CONTRA O GOLPE CIVIL EM CURSO E A FAVOR DA DEMOCRACIA

domingo, 9 de julho de 2017

Filme do Dia: Going Places (1948), John Sutherland




Going Places (EUA, 1948). Direção: John Sutherland.

Jovem acaba persistindo numa fórmula até conseguir produzir sabão em barras. Seu negócio local aos poucos se expande e transforma as cercanias, trazendo progresso. Algum tempo depois se torna uma grande corporação. Fazendo uso do formato documentário, com uma grave voz over tecendo comentários algo redundantes, esse curta de animação tem bem poucos respiros em sua necessária camisa de força ideológica, como é o caso quase único da referência a um maior policiamente da região trazido igualmente pelo progresso – sem ficar exatamente implícito que a criminalidade também – na figura de um guarda que pega um furtivo ladrão de frutas e toma dele a fruta e enquanto esse foge a come, numa alusão, ainda que involuntária, à corrupção policial e a sua troca de segurança ao comércio por algumas vantagens para si. Compõe com outros 3 curtas, incluindo Make Mine Freedon, do mesmo ano e mais ontensivamente explícito em seu louvor ao individualismo liberal como contraposição ao comunismo e Why Play Leapfrog (1949), a série Fun and Facts About American Business. John Sutherland Prod. para MGM. 8 minutos e 34 segundos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário