CONTRA O GOLPE CIVIL EM CURSO E A FAVOR DA DEMOCRACIA

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

Filme do Dia: Primate (1974), Frederick Wiseman


Resultado de imagem para primate fred wiseman poster 1974


Primate (EUA, 1974). Direção: Frederick Wiseman.

Wiseman utiliza o seu habitual método peculiar de apenas através da apresentação das próprias imagens – no caso em questão de cientistas efetivando experiências absurdas e cruéis com os primatas que dão título ao filme – e da ausência de qualquer apelo maior direcionado ao público como trilha sonora ou montagem esfuziante, conseguir efetuar mais um libelo contra uma das dimensões institucionais da sociedade contemporânea, a ciência. Acompanhamos em boa parte do filme macacos de diversas espécies ou sendo observados em seus hábitos cotidianos em cativeiro ou, de forma ainda bem mais invasiva, sendo retirados de suas gaiolas e levados a experiências aparentemente absurdas. O grau de absurdo ganha um crescendo à dimensão que o filme se desenrola, chegando ao seu ápice no final, quando é sacrificado um macaco vivo para que se extraia dele o cérebro, assim como  um jato da força aérea americana que faz manobras radicais no céu fazendo com que alguns cientistas gravitem, assim como monitorem as reações de um macaco também embarcado. Essa última imagem chega a ser hilária de tão absurda, mais parecendo sair de uma cena do Dr. Fantástico (1964), de Kubrick. Em certos momentos os animais parecem a própria encarnação das vítimas de uma ciência muito pouco auto-desconfiada de seus próprios métodos – embora algo nesse sentido seja esboçado em uma reunião de médicos, temerosos com as limitações de pesquisas “sem aplicação imediata”, por mais que a questão ética do uso de animais não seja explicitado – como o que um macaco é transportado numa posição de crucificação. 105 minutos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário