CONTRA O GOLPE CIVIL EM CURSO E A FAVOR DA DEMOCRACIA

sexta-feira, 27 de junho de 2014

A Tocadora de Alaúde, provavelmente c. 1612-1620


Orazio Genitileschi foi um dos primeiros e mais talentosos pintores a se inspirar em cenas do gênero de Caravaggio em Roma. Aqui, ele devia ter em mente a famosa pintura de Caravaggio sobre o mesmo tema. A jovem esposa de Orazio escuta atentamente atentamente como ressoa uma nota em seu instrumento em formato de pera. Ela pode estar afinando seu alaúde, antecipando-se ao concerto prometido por um grupo de arquivistas, um cornetto e um violino, e as partituras abertas diante dela.

A graciosa musicista e seu alaúde são vistos, surpreendentemente, de costas, voltada a três quartos de distância do espectador. A atenção meticulosa de Orazio ao detalhe é tal que cada superfície é descrita com uma precisão no foco que é um prazer aos olhos. Os pintores holandeses, famosos por suas espetaculares representações de texturas, aprimoraram seu ofício estudando as obras de Orazio. Seu talento  para transmitir as texturas dos finos tecidos é aqui demonstrado no penetrante dourado do vestido, no brilho opaco do veludo vermelho do banquinho e na suavidade fosca da toalha verde escura que cobre a mesa.

Texto: National Gallery of Art. Nova York: Thames & Hudson, 2005, pp.108.

Nenhum comentário:

Postar um comentário